A Estrada nos cinemas no âmbito do Essencial Fellini

A Estrada de Federico Fellini (1954) é o segundo filme do Essencial Fellini, a ser reposto nas salas de cinemas nacionais, em versão restaurada, a partir de 13 de Agosto.

Em A Estrada, Fellini dirige a actriz e esposa Giulietta Masina no papel principal de Gelsomina. Figura frágil e ingénua num mundo sem amor, Gelsomina é vendida pela mãe a Zampanò (interpretado por Anthony Quinn), um saltimbanco forte e bruto que a leva para trabalhar com ele na sua vida de estrada, dando-lhe um número burlesco. Quando este encontra um velho rival, o artista que dá pela alcunha de “O Louco” (Richard Basehart), a fúria do homem musculado é provocada até ao ponto de ruptura. A Estrada venceu o Óscar de Melhor de Filme Estrangeiro.

A propósito do filme, o próprio Fellini dizia “Todos os meus filmes andam à volta desta ideia: (…) um mundo sem amor, personagens egoístas, pessoas a explorarem-se umas às outras, e, no meio de tudo isto, há sempre – e especialmente nos filmes com Giulietta – uma criaturinha que quer dar amor e que vive para o amor. Giulietta tem a leveza de um fantasma, um sonho, uma ideia…”

A Estrada é exibido a partir de 13 de Agosto no Cinema Medeia Nimas (Lisboa), no Cinema da Villa (Cascais) e no Cinema Trindade (Porto), no âmbito do programa Essencial Fellini e das comemorações do centenário do cineasta. O Essencial Fellini é uma iniciativa da Risi Film e Alambique, com o apoio da Festa do Cinema Italiano e do Istituto Italiano di Cultura.

Seguem depois Fellini 8 ½ (20 de Agosto), Julieta dos Espíritos (27 de Agosto), Os Inúteis (3 de Setembro) e A Voz da Lua (10 de Setembro).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *