Festival de Santa Cruz

O tempo quente fez chegar a Santa Cruz o prazer da música portuguesa com um cheirinho a Brasil.

No festival de Stª Cruz deste ano, realizado no campo de tiro; cuja organização teve uma excelente performance por parte da Câmara Municipal de Torres Vedras, a afluência do público não foi a mais desejada, lamentavelmente, pois o tempo estava convidativo e as bandas espectaculares, não faltando beberete para o pessoal mais sequioso. O local era de fácil acesso, porém a segurança encaminhava o recinto para a tranquilidade.

A Audiência pôde ouvir bandas em inicio de carreira como os “Dumador” que mostraram ser autênticos rap-style, demonstrando a boa arte do improviso neste estilo de música.

Também presente e sempre excelente na sua actuação esteve “Rui Veloso”, dando a conhecer novos temas e levando ao furor o público com outros bem mais antigos.

Da Weasel , Now, Boss AC e Hands on Aproach, foram outras bandas que fizeram as delícias destas três noites de música onde os mais novos saltaram e vibraram.

Banda Eva convidou os nossos residentes brasileiros a matarem saudades e o bom português sambou.

Por fim Santos e Pecadores, onde Olavo Bilac se apresentou decepcionado( Talves devido ao número de pessoas presentes), não conseguindo cativar o público, que além de não conhecer o seu novo álbum esperava com alguma expectativa algo mais familiar. Mas entre umas e outras músicas que nem sequer eram dele deixou a mensagem que é sempre bom lembrar, e passo a citar : “ Viva a Música Portuguesa”.

Autor: Sandra Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *