O SUPER BOCK EM STOCK ESTÁ DE VOLTA ESTE NOVEMBRO

25 e 26 de novembro | Primeiras confirmações

Super Bock em Stock 2022

1 Festival, 2 dias, mais de 10 salas e mais de 50 artistas

 

Primeiras confirmações:

ALFIE TEMPLEMAN
OBONGJAYAR
PORRIDGE RADIO
THEY HATE CHANGE

 

25 e 26 de novembro

Avenida da Liberdade, Lisboa

 

O verão ainda está a meio, mas já é tempo de começar a preparar a agenda da próxima estação, dando protagonismo à música mais autêntica do momento. Nesse sentido, o festival mais bonito do outono lisboeta está de regresso nos dias 25 e 26 de novembro deste ano. O Super Bock em Stock traz alguma da melhor música nova do momento, distribuída pelos vários palcos espalhados pela Avenida da Liberdade e arredores. Neste Festival a paisagem urbana da capital entrelaça-se com as melhores propostas da atualidade, numa experiência verdadeiramente inesquecível. E já há quatro confirmações para a edição deste ano do Festival mais bonito da cidade: Alfie Templeman, Obongjayar, Porridge Radio e They Hate Change.

Benjamim da melhor música britânica da atualidade, Alfie Templeman é um dos nomes que deve estar no radar de qualquer melómano que se preze. O pai colecionava guitarras, a irmã mais velha tocava piano e, está visto, não demoraria até que o pequeno Alfie também desenvolvesse esse gosto, primeiro na guitarra e depois também nos softwares de gravação que lhe permitiriam aventurar-se nas primeiras canções… E com apenas 15 anos já tinha um EP preparado, “Like an Animal”. Em 2019 mais dois registos viram a luz do dia: “Sunday Morning Cereal” e “Don’t Go Wasting Time”. A efervescência criativa de Templeman deu origem a mais um EP, “Hapiness in Liquid Form”, com canções escritas com o baterista dos Kaiser Chiefs, Nick Hodgson, e Justin Young dos Vaccines. “Forever Isn’t Long Enough” foi o projeto editado em 2021, algures entre um EP e um registo de longa duração. Mas o disco de estreia mais formal acabaria mesmo por sair em 2022. “Mellow Moon” revela todo o talento de Alfie Templeman como interprete e compositor. Nesta coleção de canções pode ouvir-se um autor capaz de ir do R&B até ao Rock, passando pelo Folk, empenhado em fazer dançar e ao mesmo tempo refletir, dando voz às suas próprias dificuldades, numa sinceridade desconcertante. O jovem músico atua dia 25 novembro no Super Bock em Stock.

 

OBONGJAYAR

É inevitável sentir que se está a ouvir um pouco do futuro quando se ouve Obongjayar. Steven Umoh nasceu na Nigéria e mudou-se para Londres aos 17 anos. O jovem músico nigeriano sempre se fez notar pelo seu talento por onde quer que passasse, mas a assinatura Obongjayar só chegaria por volta do ano de 2014, quando partilhou algumas canções originais na internet. Em 2016 editou o primeiro EP, “Home”, com cinco faixas marcadas pela sua voz rouca e por uma produção original, numa fusão entre instrumentos orgânicos e elementos eletrónicos. A voz de Obongjayar conquistava cada vez mais ouvintes um pouco por todo o lado, uma tendência que só sairia ainda reforçada com a edição de mais um EP, “Bassey”, e com as colaborações com nomes e projetos como Everything Is Recorded, King Krule, Danny Brown, Sarz, Little Simz, entre outros. Nesses tempos de colaborações, Obongjayar continuou a desenvolver a sua própria linguagem artística e isso ficaria bem evidente com a edição de “Some Nights I Dream of Doors”. Neste registo, editado em 2022, Obongjayar parece mais polido, mas nunca domesticado, sempre em busca de surpreender com o seu inquestionável talento poético, todo ele colocado ao serviço de uma voz que promete conquistar o público português, dia 25 novembro no palco do Super Bock em Stock.

PORRIDGE RADIO

Porridge Radio é uma das propostas mais revigorantes da atual música alternativa. Começou por ser um projecto de uma mulher só, a guitarrista e cantautora Dana Margolin. Os primeiros registos da banda, “Misery Radio” (2015), “I’m Not Sure Anymore” (2015), “Hello Dog Friendly” (2016), revelaram o talento de Margolin para a escrita de canções. E aquele que era o projeto mais solitário transformou-se numa banda com a integração de Georgie Stott (teclas), Snake Leather aka Josh Harvey (guitarra), Maddie Ryall (baixo) e Sam Yardley (bateria). Em 2016 a banda editou “Rice, Pasta and Other Fillers”, um registo que fazia crescer ainda mais as expectativas em torno dos Porridge Radio. Depois de uma série de faixas editadas em 2019, o grupo editou “Every Band” em 2020. O disco foi bem recebido tanto pelo público como pela crítica, recebendo as boas avaliações de publicações como a Pitchfork. Em 2022 chegou mais um disco da banda. “Waterslide, Diving Board, Ladder to the Sky” volta a oferecer mais um belíssimo registo do melhor indie rock da atualidade, principalmente quando a voz de Dana Margolin entrega uma série de angústias e frustrações de forma mais do que convincente e com um magnetismo raro de se encontrar. Os Porridge Radio trazem essas novas canções a Portugal, dia 26 de novembro no Super Bock em Stock.

THEY HATE CHANGE

Este duo da Flórida é responsável por alguma da música mais desafiante feita nos dias de hoje. Dre (Andre Gainey) e Vonne (John Harrison) moravam no mesmo complexo de apartamentos quando ainda eram adolescentes e desse encontro nasceu uma parceria musical que acabaria por mudar as suas próprias vidas. Essa parceria nasceu de uma vontade insaciável de descobrir música de vários géneros, do hip-hop ao drum and bass, do krautrock ao rock mais emo, e desse caldeirão de sensibilidades acabaria por nascer a própria identidade artística de They Hate Change. “Cycles”, editado em 2015, foi um dos primeiros registos da banda e logo deu para perceber que Dre e Vonne estavam empenhados em desafiar as fronteiras do género hip-hop. Essa tendência manteve-se com a edição do EP “Meters”, um registo instrumental de 2017, e também no primeiro disco da dupla: “Now, and Never Again”, editado em 2018. Mas a criatividade desta dupla não parou de gerar frutos, fazendo de 2019 um ano inesquecível para They Hate Change, com a edição de três EPs: “Clearwater”, “Juices Run Clear” e “Maneuvers” consolidaram a linguagem da dupla. E em 2022 chegou mais um disco: “Finally, New”. Este é um bom momento para o público português ficar a conhecer estas novas canções, como “From the Floor”, dia 25 de novembro, no Super Bock em Stock.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

TWITTER
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
YouTube
Instagram
RSS
EMAIL