Passagem de ano: Portugal com 85% do Alojamento Local reservado para dizer adeus a 2022

  • Só em Lisboa, a ocupação já ultrapassou os 90% e na Madeira alcançou os 95%.
  • No centro do Porto metade dos hóspedes são portugueses seguidos de espanhóis, italianos, franceses, ingleses e brasileiros.
  • Os hóspedes estão a escolher estadias longas – entre 3 e 4 dias – e, em média, os preços por noite estão 20% mais altos do que em 2021.

Lisboa, 29 de dezembro de 2022 – A GuestReady, empresa líder de gestão de Alojamento Local na Europa e em Portugal, está a registar uma taxa de ocupação superior a 85% em Portugal para o último fim-de-semana do ano. As mais de 1.100 unidades que a empresa gere a nível nacional – em Portugal e na Madeira – estão perto de alcançar a ocupação total com os números ainda a crescer continuamente. No caso concreto de Lisboa, no centro da cidade, a taxa de ocupação de AL já ultrapassa os 90%.

A GuestReady aponta, ainda, outra tendência: as estadias estão mais longas com os hóspedes a escolher ficar entre 3-4 dias e gastando em média mais 20% do que em 2021.

“Mesmo perante os desafios económicos deste ano, as pessoas ainda procuram experiências e estadias de qualidade,” afirma Rui Silva, Managing Director da GuestReady em Portugal e em Espanha. “O pico de procura para a passagem de ano ocorre depois do Natal estamos mesmo agora a registar novas reservas diariamente por isso os resultados do próximo fim-de-semana serão muito positivos.”

No Natal a empresa já tinha registado uma ocupação nacional de cerca de 70%, com a maioria de hóspedes portugueses a nível nacional e maior prevalência de estrangeiros na capital. Já para o fim-de-semana da última noite de 2022 o turismo de fora regressa em maior força.

Há uma presença equilibrada de portugueses, franceses, espanhóis, ingleses e norte-americanos no centro de Lisboa onde a ocupação já ultrapassou os 90%,  e no Grande Porto a ocupação encontra-se praticamente no mesmo valor e metade dos hóspedes são portugueses, seguidos de espanhóis, italianos, franceses, ingleses e brasileiros. No arquipélago da Madeira, onde a GuestReady gere várias dezenas de propriedades desde novembro, a ocupação é cerca de 95% com maioria de hóspedes portugueses e ingleses.

“Este ano a concorrência está mais forte dado que reabriram todos os hotéis, mas continuamos a receber milhares de hóspedes e estamos muito satisfeitos por termos a oportunidade de os brindar com uma experiência de excelência nesta ocasião festiva,” conclui Rui Silva.

A GuestReady opera em mais de 50 cidades por toda a Europa e, neste momento, gere mais de 1.100 propriedades em Portugal Continental e na Madeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

TWITTER
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
YouTube
Instagram
RSS
EMAIL